BLOG

Tudo o que você precisa saber sobre cálculo do ROI para manutenção de projetos CFTV

Após ter o seu sistema CFTV já implementado e operante, é essencial manter atualizado o cálculo do ROI (Retorno de Investimento) para avaliar se a solução atual é suficiente para trazer resultados positivos ou se é necessário realizar alterações no seu parque de câmeras para que os eventos de risco sejam melhor identificados, reduzindo perdas e prejuízos.

Acompanhe este artigo e saiba os critérios para analisar se o ROI de manutenção do seu projeto de videomonitoramento está sendo positivo ou não.

O Retorno sobre Investimento só é garantido com trabalho proativo e tempo.

O  ROI – Retorno sobre Investimento só é positivo com trabalho proativo de forma a cobrir os gastos com manutenção de sistemas CFTV.

O ROI é um índice que mostra a relação entre valores investidos em determinado projeto e os lucros ou prejuízos decorrentes dos resultados desse projeto. No ramo da segurança patrimonial, ter um ROI constantemente positivo significa avaliar se o seu sistema de câmeras está detectando eventos de risco (e permitindo seu tratamento) o suficiente para cobrir os gastos mensais com a manutenção dos equipamentos de vídeo e softwares para CFTV

Para realizar esse cálculo, é importante construir relatórios mensais considerando o seguinte:

Patrimônio empresarial

Qual a taxa de perda relativa a essa variável?

Equipamentos, matérias-primas e produtos são alguns exemplos de bens patrimoniais que podem ser furtados/perdidos dentro do seu local de trabalho, gerando prejuízos. Todos esses itens possuem um valor específico, portanto, é possível registrar em seu relatório sempre que algum deles seja recuperado graças à função do sistema CFTV.

Se um produto de R$200 é retirado do seu ambiente específico de armazenamento, uma câmera com software de análise inteligente de vídeo é capaz de detectar esta ação como uma situação de risco e alertar automaticamente a equipe de segurança, que tomará as providências cabíveis. No exemplo, houve um retorno positivo de R$200 que foram recuperados, impedindo o prejuízo.

Colaboradores e visitantes

Neste caso, existem perdas tangíveis (valoradas) e intangíveis (não valoradas) relativas aos seus funcionários, clientes, fornecedores, visitantes, entre outros.

As perdas tangíveis se referem aos bens pessoais físicos desses indivíduos e podem ser facilmente quantificáveis, como bolsas, celulares, computadores, tablets, etc. Assim como no exemplo acima, o sistema de câmeras possui capacidade de identificar com altas taxas de assertividade quando tais objetos são abandonados/furtados. Portanto, a recuperação desses itens também entra no relatório como saldo positivo.

Já os elementos intangíveis dizem respeito à integridade física dessas pessoas e, apesar de não poder ser valorada, é de extrema importância deixar fatos assim registrados, pois, a depender do caso, pode afetar a dinâmica de atuação e até mesmo a produtividade dos seus colaboradores.

Aqui entra o risco de vida e suas consequências psicológicas causadas por determinadas situações de perigo dentro da empresa. Uma tentativa de assalto ou sequestro no ambiente de trabalho têm sérias consequências para a segurança dos envolvidos.

Além disso, também podemos citar a repercussão midiática de eventos como esses, que têm capacidade de gerar crises na imagem da empresa diante dos consumidores e do público em geral.

Não adianta investir em um sistema de CFTV sem mensurar o que será aplicado ao longo do tempo e como as ocorrências serão tratadas

Não adianta investir em um sistema de CFTV sem mensurar o que será aplicado ao longo do tempo e como as ocorrências serão tratadas

Calculando o ROI após investir em CFTV

Por fim, para obter o valor final do ROI, é preciso comparar as variáveis que foram perdidas ou recuperadas mensalmente com o custo investido para realizar a manutenção preventiva ou corretiva do seu sistema de videomonitoramento.

Ocorrências

Neste tópico, são contabilizados todos os tipos de ocorrências citadas anteriormente: valoradas e não valoradas. Tanto bens materiais quantificáveis quanto eventos não quantificáveis devem entrar nesse cálculo.

Um celular esquecido é de fácil valoração. Porém, situações mais complexas serão quantificadas de acordo com a análise específica realizada pela gestão de segurança da empresa.

Se as câmeras detectam um invasor pulando o muro e a equipe de segurança impede sua ação, há um valor médio de prejuízos que ele poderia ter causado naquele momento. No entanto, se alguém pula o muro e a porta do almoxarifado estava aberta, esse valor certamente subiria, pois há mais bens materiais em risco nesse caso, então, o software analítico de vídeo estaria salvando mais economias para a gestão.

Histórico

Além da análise mensal, é importante também criar relatórios semestrais ou anuais para obter uma dimensão completa do retorno adquirido com a manutenção do seu sistema CFTV. Isso porque, em determinada data, um equipamento pode ser registrado como perdido (apontando gastos), mas ser recuperado apenas no mês seguinte, anulando esse prejuízo.

Da mesma forma, é importante estar atento ao histórico de eventos de risco ao longo do tempo para obter um comparativo real da eficácia das câmeras. O fato da identificação de eventos diminuir nem sempre significa que o sistema está com falhas, pode significar apenas que menos situações de risco estão ocorrendo.

camera de segurança

Por exemplo, em determinado período, pode haver grande ocorrência de invasores pulando o muro da sua empresa, fato que é detectado pelo software analítico de vídeo. Porém, algum tempo depois, você pode decidir duplicar o tamanho desse muro, o que impede a ação dos invasores. Com isso, as câmeras não detectam mais esse tipo de evento, pois ele já foi tratado a longo prazo.

Então, lembre-se sempre de considerar tais fatores do momento de analisar o ROI em seus relatórios sobre manutenção do sistema de videomonitoramento. A Avantia trabalha com analíticos de vídeo desenvolvidos a partir de tecnologia própria. Tudo isso buscando a máxima eficácia para sua segurança patrimonial e otimizando o retorno de investimento aplicado nessa área.